Carnes

Barreado - Parte 2

Continuação da Receita Barreado - Parte 1
Como vedar a panela
Originariamente se fazia o barreado em panelas de barro. Atualmente em restaurantes são feitos em panela de alumínio, até por exigência legal. Um dos segredos do barreado está em vedar bem a tampa, que você pode fazer com farinha de mandioca fina misturada com um pouco de água. Despeje um pouco de farinha numa bacia e adicione um pouco de água fria. Misture com as mãos até que se transforme numa massa úmida, nem muito mole, nem muito dura. Para vedar, enrole a massa como se fizesse um rocambole mais fino e calafete a tampa ao corpo da panela. Molhe as mãos em água fria e passe sobre o anel de vedação até que a massa fique bem lisa e aderente. É importante que este lacre não se rompa. Como o barreado não leva água, a não ser da carne e dos temperos, manter a panela bem fechada é fundamental para a incorporação dos sabores.

Quem usa panela de barro, dependendo do formato, pode utilizar para vedar, 2 ou 3 folhas pequenas de bananeira verde, previamente sapecadas no fogo, para que sejam mais facilmente manuseadas. A folhas são amarradas com barbante grosso, bem firme, em volta, na junção da panela com a tampa.

Leve ao fogo
O segundo segredo do barreado está no cozimento lento, feito em fogo baixo, durante um período de 12 a 18 horas, naturalmente, dependendo do fogo. Tradicionalmente o barreado é feito em fogão a lenha, mas pode ser feito no fogão.
Quando preparado no fogão a gás, primeiro coloque sobre a chama uma chapa de ferro ou alumínio, para que não fique em contato direto com o fogo. Depois coloque a panela em fogo alto e deixe até que o caldo ferva, aproximadamente uma hora depois ou quando observar que o vapor começa a romper o lacre. Abaixe o fogo, deixe no mínimo até o final do cozimento. Algumas frestas abertas no lacre funcionam como válvulas, controlando a pressão interna. Se abrir frestas maiores, faça um remendo. Para isso, mantenha uma bacia com a massa de farinha sempre à mão. Faça o remendo com a massa, umedecendo a mão em água fria e alisando até que o remendo se funda com o anel seco.

Final
Aberta a panela, experimente o caldo e verifique o sal. Se quiser, retire o toucinho que deverá estar na superfície do caldo. Coloque as porções em cumbucas de barro e leve à mesa, se possível sobre fogareiros com fogo fraco.

Acompanhamento

Originalmente, o barreado é servido com arroz, farinha de mandioca, banana caturra ou nanica cortada em rodelas, pimenta malagueta e uma cachaça pura que serve para rebater este prato forte.

Mas pode ser incrementado com um pirão, feito na hora, com farinha de mandioca e um pouco do caldo, incluir uma couve refogada, uma farofa, banana a milanesa e para rebater um chope ou cerveja, bem gelados.
Preparo: 60 min
Pronto: 16 hs
Rendimento: 7
Imprimir
        Salgados
 
Aves
Carnes
Peixes e Frutos do Mar
Entradas e Petiscos
Arroz, Feijão e Risotos
Legumes, Verduras, Raízes
Sopas, Caldos, Cremes
Macarrão e Pastas
Tortas, Empadas, Suflês
Pães, Sanduiches, Pizzas
Salgadinhos e Canapés
Molhos, Purês, Pates
Outras Receitas
     Carnes
 
Alcatra ao Creme de Leite
Alcatra com Limão
Alcatra Marinada com Champignons
Almondegas
Angu à Baiana
Barreado - Parte 1
Barreado - Parte 2
Bife à Roulê
Bife Tartar (Steak Tartare)
Bisteca da Vó
Boeuf Bourguignon
Bolinho de Carne - Molho Jabuticaba
Bolo de Carne
Bolo de Carne Fácil
Bolo de Carne Moída
Bolo Salgado de Carne
Carne à Andaluza
Carne Assada de Panela
Carne Assada na Cerveja
Carne de Porco com Repolho - Bigosch
Carne de porco em agridoce
Carne de Sol com Mandioca
Carne de Sol com Shitake e Purê de Abóbora
Carne em Conserva
Carne Grelhada com Sauce Béarnaise
Carne Louca
Carne Louca Especial
Carne Louca no Sal Grosso
Carne na Cerveja
Carne Seca com Abóbora
Carne Seca na Moranga
Carne-de-Sol e Charque
Carneiro com Laranja
Cassoulet
Cassoulet Francês
Charque Temperado - Chatasca
Chuleta com Ervas Finas
Cordeiro Assado com Batata
Cordeiro com Ervas Frescas
Cordeiro em Crosta de Alho e Salsa
Costela Assada
Costela com Mandioca e Pequi
Costeletas Suínas com Molho Barbecue
Costelinha com Canjica
Costelinha com Ora-Pro-Nobis
Costelinha de porco com geléia de pimenta
Cozido Espanhol
Cozido Português
Einsbein
Ensopado de Carne ao Vinho
Ensopado de Carne com Batatas
Ensopado de Carne com Cenouras
Ensopado de Cordeiro
Ensopado de Língua
Escalope de Vitela a Trevisana
Escondidinho de Carne Seca
Espetinho de Frango Caseiro
Fígado à Veneziana
Filé à Chateubriand
Filé a Parmegiana
Filé ao Molho de Mostarda
Filé ao Molho Dourado
Filé ao Molho Madeira
Filé de Vitela com Ervilhas
Filé Grelhado com Manteiga de Ervas e Limão
Filé Mignon ao Limão
Filé Mignon ao Molho de Gorgonzola
Filé Mignon com Molho Béarnaise
Filé Mignon Crocante
Foie Gras com Legumes
Fraldinha no Fogão
Joelho de Porco com Chucrute
Kafta
Lagarto em Vinha-D'alhos
Lagarto Recheado
Leitão a Pururuca
Leitão Assado
Lombo Agri-Doce
Lombo Assado
Lombo Assado com Damasco
Lombo Assado Mineiro
Lombo com Frutas
Lombo com Legumes
Lombo com Tempero Simples
Lombo Recheado com Abacaxi
Lombo Recheado com Maçã
Maminha Assada
Maminha de Panela
Maminha na Cerveja Preta
Medalhão com Espaguete de Legumes
Medalhões ao Molho Madeira
Músculo com Tomate e Ovos
Ossobuco
Ossobuco à Milanesa
Ossobuco com polenta
Ossobuco in Gremolada
Paçoca de Carne de Sol
Paçoca de Charque
Pato com Laranja
Pernil Assado
Pernil com Farofa de Banana
Pernil de Cordeiro com Arroz e Snoobar
Pernil de Porco Temperado
Pernil de Vitela ou Porco com Cebolas
Pernil Tradicional
Picanha Assada
Picanha com Alho
Picanha Cozida na Grelha
Picanha de Forno no Sal Grosso
Picanha na Cerveja
Picanha na Cerveja
Picanha Recheada com Ervas
Polpette
Polpettone
Quiabo com Carne
Rabada com Agrião
Rabada com Polenta
Rabada com Polenta Mole
Roast Beef
Rocambole de Carne com Espinafre
Rocambole de Carne Moída
Rosbife com Ervas Frescas
Rosbife no Bacon
Rosbife no Sal Grosso
Rosbife Temperado
Steak aux Poivre
Steak Haché
Stracotto alla Fiorentina
Tender à Califórnia
Tiras de Carne com Laranja e Gengibre
Torta de Carne
Vaca Atolada
Vaca Atolada Mineira